Como emitir a segunda via da certidão de nascimento?

Spread the love

Alguns documentos só podem ser emitidos se o cidadão estiver com a certidão de nascimento em mãos. Mas este é um documento que com o tempo vai se desgastando e se tornando ilegível, mas existe a opção de emitir uma segunda via.

Neste post vamos falar este documento e como conseguir uma nova via dele.

Qual a importância da certidão de nascimento?

Como já citamos, alguns documentos só podem ser emitidos com a certidão de nascimento, são eles: RG, CPF, carteira de trabalho e título de eleitor.

As crianças são as que mais precisam da certidão, pois a matrícula escolar, por exemplo, só é realizado com a presença deste documento.

A primeira via deste documento pode ser feita de maneira totalmente gratuita e prevista em lei. Isso acontece porque é um direito de todos os cidadãos brasileiros, conforme a Lei 9.534/97.

Já no caso da 2ª via, a gratuidade só é válida para pessoas de baixa renda e que consigam comprovar essa situação.

Emitindo a segunda via

Online

Hoje em dia é possível emitir a segunda via da certidão de nascimento através da internet. Isso pode ser feito pelo site do Registro Civil e nele é preciso fazer um cadastro com os dados pessoais.

O único problema é que nem todos os estados possuem essa possibilidade.

Nesse portal é possível pedir também a segunda via da certidão de casamento e a de óbito.

O usuário tem o poder de escolher se quer a versão impressa ou apenas digital. No primeiro caso, o documento é enviado através dos correios e chega no endereço informado no ato do cadastro.

Lembrando que a segunda via não é gratuita e, nesse caso, é preciso efetuar o pagamento da taxa.

Cartório

Essa é a forma mais conhecida de emissão de segunda via de certidão de nascimento. Para isso é preciso se dirigir ao cartório onde foi realizado o seu registro.

O cidadão precisa ir munido de documentos pessoais e solicitar ao tabelião que emita uma nova certidão. No local é preciso preencher um formulário e já efetuar o pagamento da taxa.

O documento será enviado, pelos correios, ao endereço informado no ato do pedido.

Correios

Outra opção é ir até os correios e preencher um formulário, chamado Cartório Postal. Nesse caso também há a cobrança de taxa e ela é paga na hora.

Assim como nos outros casos, o documento é enviado para o local indicado no formulário.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.